Depois de receber incentivos fiscais e dinheiro público, montadoras botam trabalhadores na rua (ou “Responsabilidade Social” (23))

Há dois meses, critiquei a atitude dos governos de São Paulo (PSDB) e Federal (PT) de emprestar dinheiro às multinacionais montadoras de automóveis. Os R$ 8 bilhões anunciados trariam muito mais benefícios se tivessem outras destinações, argumentei à época.

Pois bem, agora já tem montadora demitindo centenas de trabalhadores. Depois de receberem bilhões do Estado em empréstimos e de o governo reduzir o IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) dos automóveis, botam os trabalhadores na rua. Não duvido que estejam usando dinheiro público para pagar as rescisões.

Cadê a responsabilidade social das empresas? Cadê o governo que emprestou sem exigir o mínimo, que seria garantia de emprego? Num governo sério, o esquema seria: “devolvam  o dinheiro público ou cadeia para os dirigentes das empresas”. Num governo sério, não existiria ajuda a empresas sem responsabilização dos dirigentes responsáveis pelos rombos. Aqui, não. A farra da privatização dos lucros e socialização dos prejuízos, que chegou a níveis estratosféricos no governo FHC, segue impávida no governo Lula.

Assim funciona o capitalismo no Brasil. Assim funciona o governo neoliberal do Partido dos Trabalhadores (PT), apoiado por outros partidos de esquerda como Partido Comunista do Brasil (PCdoB) e Partido Socialista Brasileiro (PSB) – isso para não falar do Partido Democrático Trabalhista (PDT) ao qual pertence o ministro do Trabalho.

Anúncios

Tags: , , , , , , , , ,

3 Respostas to “Depois de receber incentivos fiscais e dinheiro público, montadoras botam trabalhadores na rua (ou “Responsabilidade Social” (23))”

  1. Ricardo Jacomo Says:

    Não sei se da boca pra fora ou se pra fazer beicinho, mas o fato foi que o ministro do trabalho Lupi, do PDT, veio a público cobrar das indústrias de automóveis. Se não com as suas palavras, mas com sentido semelhante. Não que vá acarretar alguma mudança, mas que ele falou, falou…

  2. Rafael Fortes Says:

    Você tem toda razão. Faltou eu registrar isso no texto.

  3. Zippo Says:

    Já não é hora já da blogesfera brasileira reunir esforços para criar o equivalente do MediaMatters? Um espaço como o “Donos da Mídia”, mas com constantes updates da montanha inesgotável de mentiras do PiG (até um dia talvez ser lançado em livro)? Algo que mesmo os blogs que discordam venham a contribuir no portal com o que concordam sem dúvida. Dar uma voz coerente, elegante e simples para a oposição da oposição. Escancarar a espionagem da privataria PSDB-“Suína” (o coração SP: finge ter o IDH da Suíça com a força econômica da China) que é o “PiG”, e poderia vir a se conectar com a TV Brasil, ou a telesur etc. O maior pecado atual dos ótimos blogs (como este) é a gigante sensação ilusória de isolamento*, de que nossa narrativa não tem megafone, ou que tais opiniões é algo aberrante e só a pessoa (e raros outros) os tem.

    *(os barões brasileiros conseguiram o que a mídia privada venezuelana não conseguiu: freou o senso de união espontânea. Como pessoas sem comunicação e representação nas favelas e pontos rurais da Venezuela conseguiram se organizar, reunir, compartilhar pontos de vistas e dar apoio mútuo em força coletiva é ainda incompreensível. Mas é um modelo a se admirar e obter esperança).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: