Pensando a universidade pública no Brasil

Imperdível. Única palavra que consigo encontrar para definir a série que Maurício Caleiro vem escrevendo sobre a universidade brasileira. No primeiro texto, o tema é a corrupção (favorecimento) nas seleções de mestrado e doutorado e nos concursos para professor. No segundo, o culto a um número limitado de cânones e suas consequências para o empobrecimento – em vários sentidos – da universidade.

Anúncios

3 Respostas to “Pensando a universidade pública no Brasil”

  1. Leo Lagden Says:

    A estrutura de todas as esferas que envolvem poder no Brasil estão corroídas.
    Por isso continuo falando: Não acredito mais no país. Pra mim, não há um modo de consertar o que se encontra totalmente desintegrado!

    Abraços

  2. Rafael Fortes Says:

    Pois é, Léo, mas aí qual a saída? Imigrar? Deixar que as coisas continuem como estão? Ou, sendo meio macabro: suicídio? (risos)

    Abraço!

  3. Sergio Merlin Says:

    Sei lá.
    Quando entrei em na universidade federal me senti ligeiramente decepcionado…
    E olha que tive um ensino médio ridículo…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: