Um trechinho de “Meu inimigo sou eu”

Do jornalista israelense Yoram Binur, escrevendo em 1987, no livro Meu Inimigo Sou Eu (reproduzo da tradução brasileira de 1991, Scritta Editorial):

“A política israelense para o tratamento com os palestinos dos territórios ocupados segue a mesma rotina da política que foi implementada em relação à minoria árabe dentro do Estado de Israel depois da Guerra de 1948. Em 1967, assim como em 1948, um censo populacional foi feito em todos os territórios ocupados. Todos os que estavam presentes receberam uma carteira de identidade. Quem estava fora de casa naquele período, por qualquer razão, foi declarado ausente pelos israelenses. A propriedade dos ausentes foi, então, transferida para um responsável israelense e seu direito de voltar para casa em Jerusalém, Nablus ou Hebron negado, mesmo que sua esposa e seus filhos estivessem presentes na ocasião do censo e tivessem recebido documentos de identificação do governo militar. O ausente só tinha direito de entrar na área como visitante. Houve algumas exceções, sendo permitido a algumas famílias voltarem a reunir-se, em geral em troca de alguma promessa de colaboração ou devido a um forte incentivo econômico.”

Em breve voltarei a falar deste livro.

Anúncios

Tags:

2 Respostas to “Um trechinho de “Meu inimigo sou eu””

  1. Sobre “Meu inimigo sou eu” « A Lenda Says:

    […] “Meu inimigo sou eu” By Rafael Fortes Outro dia publiquei um trechinho do livro Meu inimigo sou eu, de Yoram Binur. Fiquei de voltar a […]

  2. Um trechinho de “Meu inimigo sou eu” (2) « A Lenda Says:

    […] Fortes Já me referi a este livro perturbador, lançado originalmente em 1987, em duas ocasiões (1 e 2). Abaixo, uma breve […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: