Formas alternativas de consumo

“As ideologias ascéticas, que imaginam negar o capitalismo mediante a renúncia ao ‘consumismo’, são totalmente estranhas ao proletariado. Os seus cultures provêm, em geral, da burguesia e marcam sua identidade por meio de formas alternativas de consumo – de artesanato, de produtos ‘naturais’, de determinados gêneros de música e de roupa etc. –, que pressupõem um tipo de cultura que, no fundo, não deixa de ser burguês, nem que seja por antinomia.”

Lendo Paul Singer, em Aprender Economia, lembrei do tal Dia Mundial Sem Carro, que considero um troço de direita e ridículo. Mas também vesti a carapuça com relação a meia dúzia de coisas que penso.

Anúncios

Tags: , ,

Uma resposta to “Formas alternativas de consumo”

  1. vários um Says:

    a qualquer momento o proletariado pode mudar. porque paul singer acha que sabe como se comporta o tal proletariado? será o proletariado um bloco homogêneo? tudo são ideias em teste, a qualquer hora o proletariado pode deixar de existir.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: