Não falta sinceridade

Da série “sinceridade não falta”, hoje o Bolsonarinho deputado estadual e candidato à reeleição pelo partido direitaço PP (dos correligionários fluminenses Francisco Dornelles, Eurico Miranda, Julio Lopes, Sivuca e Eurico Miranda, entre outros) falou no horário eleitoral da televisão dizendo “eu sou de direita”, “eu sou a favor da maioridade penal e do controle de natalidade como formas de combater a violência” e “eu sou contra as políticas de direitos humanos”. Uso aspas citando de memória e correndo o risco de cometer algum breve deslize. Mas o sentido e a sinceridade geral da fala de uma das crias de Jair Bolsonaro estão preservados.

Dos momentos mais honestos e sinceros da história da política brasileira.

E dos piores, mais tristes e assustadores – até porque não tenho dúvida de que será reeleito.

Anúncios

Tags: , , ,

4 Respostas to “Não falta sinceridade”

  1. renata moraes Says:

    rafael
    nao aguento mais…
    nao aguento mais ver as ruas cheias daquele povo segurando aquelas fotos dessa gente com sorriso amarelo, ou melhor, branco demais, falso demais…fui hoje para a baixada, centro de Nova Iguaçu e quase chorei quando vi tanta sujeira no chão, na grama e quase no meio da rua…triste

    se o próprio cara que combatia a desordem é o primeiro a fazê-la, o q esperar dos demais? até a campanha do Marcelo Freixo aderiu a propaganda barulhenta no Largo do Machado. só o perdoo pq ele nao pode fazer campanha em qualquer lugar e porque quem segurava a foto dele era o mesmo cara que me deu um folheto da campanha, logo, não é nenhum desconhecido sobre Freixo…

    chega das músicas, chega dessa hipocrisia…essa sinceridade que vc citou é até engraçada, triste mesmo é saber q ele tem aplausos…

    abraço
    (sonhando com o dia 3 quando isso tudo acabar)

  2. Fabiana Says:

    “eu sou a favor do controle de natalidade como forma de combater a violência”
    O que posso eu , dizer , ao ver isso? Indignação é uma palavra muito, muito pequena, para descrever qualquer sentimento . Mudando as palavras do referido político para o popular: “Sou a favor do controle de natalidade dos pobres , para que não encham as ruas de pedintes e ladrões” ou sua outra brilhantíssima frase: “eu sou contra as políticas de direitos humanos”, – é Sr. Bolsonaro, porque políticas públicas eficazes são difíceis de fazer não é? sai mais barato e fácil matar indiscrimidamente…certo? Isso é uma vergonha. É uma vergonha também como debocham da inteligência da população :”Palhaço por palhaço, vote num profissional” do Tiririca, é de rir para não chorar.

    O que me incomoda profundamente é que, dia 03 isso não vai acabar, mas sim, ficar camuflado até a próxima eleição, onde toda essa “sinceridade” voltará com força total e trazendo mais novidades como os mini refletores para os cartazes que permitem a propaganda noturna.
    Lamentável.

    Um abraço Rafael!

  3. L.C. Says:

    Cara, achei aquela Caros Amigos com a entrevista do Bolsonaro pai! É de 2008. Tenho aqui em casa!

    E DIZ PRA MIM QUE VC VIU A CAPA DO EXTRA DE HOJE!
    Se não viu: http://annalay.wordpress.com/2010/09/24/extra-e-a-imprensa-golpista/

    bjos!

  4. Rafael Fortes Says:

    Estava viajando… Não tinha visto, nem tido notícia dessa capa do Extra. Bizarra mesmo! Beijo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: