E se Jorge Ben tivesse gravado “Charles, Anjo 45” em 2010?

Vale a pena ver este vídeo registrando a prisão de quatro MCs do Rio de Janeiro, enquadrados, cada um, em quatro tipos penais diferentes. É a polícia do governador Sergio Cabral Filho (PMDB) dando duro no combate ao crime.

A reportagem e sua edição são trabalho raro de se encontrar na mídia gorda. Tanto é que alguém tacou um “MCs debocham da prisão” como legenda. Ludmila Curi, autora das imagens e da reportagem, dirigiu, com dois colegas, o documentário “Grosso Calibre” (que comentei indiquei aqui), sobre um dos MCs presos.

Anúncios

Tags: , , , ,

5 Respostas to “E se Jorge Ben tivesse gravado “Charles, Anjo 45” em 2010?”

  1. renata moraes Says:

    rafael
    hoje o SBT passou a prisão de um outro MC que, segundo a notícia, tinha se entregado. Diferentemente da reportagem da globo, a do SBT deixou o MC falar. Mas é muito pejorativo toda a referência que é feita ao Funk. No RJTV eles disseram que a APAFUNK quer separar o funk do bem do funk do mal. Nao gosto dessa idéia de qualificação de uma expressão musical…é tudo música….se for assim iremos começar a separar o samba do bem, do samba do mal a partir dos temas tratados por cada um…se fosse assim Bezerra da Silva estaria preso e o Marcelo D2, dessa vez, deveria ser preso por cantar as músicas do Bezerra…só para citar um exemplo…

    enfim….sorte a todos nós que vivemos nesse mundo louuuuco…

  2. Rafael Fortes Says:

    Renata,

    Concordo com tudo, exceto um ponto: no vídeo que indiquei, os MCs falam, sim. Falam e cantam uma música inédita. ; )

  3. renata moraes Says:

    rafael,
    exato…aliás…como manter o humor mesmo sendo preso dessa forma na frente da filha, como disse um trecho cantado por um deles?

    estava citando as reportagens vinculadas pelos telejornais hoje…

    abraço

  4. renata moraes Says:

    na verdade nao penso em “humor” nem em música naquele momento como apenas ironia ou deboche…e sim como forma de protesto…força…sei lá….é o uso da mesma ferramenta que o levou para aquele lugar: a música..

    apenas devaneios…

  5. LUIZ ROGERIO Says:

    vi e ouvi a reportagem da globo com toda razao essa reportagem foi de uma perfeição mostrou a realidade dos mcs ,dizend9o com ironia que sao inocentes e estariam logo forA DA CADEIA ,POIS ELES SE ACHAM INATINGÍVEIS POIS O TRAFICO DÁ UM BOM SUPORTE PARA ELES Fazerem isso, eles querem notariedade e sucesso rápído é uma pena que existam pessoas com essa mentalidade ,arcaica e usando do deboche e com a cara mais deslavada “somos inOCENTES”.,boa sacADA A DO SENHOR ,SUAS MATERIAS SAO ATUAIS, A MUSICA DO BENJOR TAMBEM SE TORNOU ATUAL DEVIDO A ESSE PROBLEMA RET RATAR A FALTA DE atitude pra mudar esse quadro, é um assunto muito polemico que vem a tona num momento dificil de moralização do estado. ess referencia e agitação do funk é perigosa pois eles detem um certo poder em relação ao que dizem na comunidade e fora dela na internet, agindo assim eles mancham o ome de todos os funkeiros ,nao generalizando ,deveriam usar palavras para os jovens da comunidae encontrar seu caminho com palavras de cunho social, essa é o dever e deveria fazer parte da vida desses funkeiros “inocentes”,em suma é retrato do brasil que vai ser manchado lá fora e aqui dentro tambem.deveriam ter com mais frequencia materiAS DESSE ESTILO COM UM CUNHO SOCIAL, MOSTRANDO A VERDADE ,NÃO OMITINDO OS FATOS REAIS , QUE VEM ACONTECENDO LIBERDAE DE IMPRENSA E DE EXPRESSÃO SEMPRE DEVE PREVALECER .CARO RAFAEL ,CONTINUE MANDANDO FATOS POLEMICOS E VERDADEIROS COM ESSE OBRIGADO PELA SUA ATENÇÃO.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: