Rapidinhas

Pingou na caixa postal texto de Leonardo Sakamoto, que sabe das coisas, especialmente quando se trata de trabalho escravo no Brasil atual: “Dilma: você pode protestar contra a Copa, desde que não proteste“. Um trecho:

Adoro futebol – apesar de torcer para o Palmeiras e ser um goleiro de merda nas várzeas da vida. E vou acompanhar a Copa, beber e discutir inutilidades futebolísticas com os amigos. Mas isso não faz com que seja menos crítico à tragédia anunciada que foi a sua preparação.

Tô na mesma. Adoro futebol. Consequentemente, adoro Copa do Mundo. E não mudarei isso porque essa é no Brasil. Vou torcer pra seleção sair campeã. Quero que ganhemos uma Copa em casa.

Mas, como bem coloca Sakamoto, isso é diferente de ficar cego para os problemas que têm ocorrido por aqui. São muitas, as bandalheiras. Criticando o governo federal em outro texto, ele afirma:

(…) ao mesmo tempo que pede paz nas ruas, a União está jogando o trator em cima de ribeirinhos, camponeses e indígenas para a construção de usinas hidrelétricas, como a de Belo Monte, no Pará. Violência estatal não é só dar porrada com cassetete. Ela pode vir através de financiamento público abundante também a quem cria danos à qualidade de vida de parcelas da população. Dinheiro digital é mais limpo e não cheira a gás.

Vale ler o texto todo. Longo, lúcido e sincero.

*  *  *

Para registro: fui contra a realização da Copa no Brasil desde a candidatura. Portanto, antes do país ser escolhido. Também fui contra a candidatura do Rio de Janeiro à Olimpíada e lamentei quando a cidade foi escolhida em detrimento de Madri e Tóquio.

 

Tags:

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: