Rapidinhas

Excelente análise de conjuntura de Ricardo Antunes em entrevista ao Correio da Cidadania.

*  *  *

O texto da semana no blogue coletivo História(s) do Sport é meu: Os donos da NFL.

*  *  *

A dupla francesa Mahut/Herbert exibia um “Pray 4 Paris” (ou fanfarronice que o valha) nas camisas ao jogar hoje em Londres contra Marcelo Melo e Ivan Dodig, pelo ATP Finals. O que não os impediu de roubar descaradamente numa jogada num game importante do segundo set, quando venciam e Herbert rebateu uma bola que quicou duas vezes na quadra. Dodig reclamou inconformado com o juiz de cadeira, que mandou um “podemos dar uma olhada nesse lance depois do jogo”. O lance era difícil, mas, na minha opinião, fácil de enxergar a partir da cadeira do juiz. Talvez seja caso de consulta oftalmológica – ou de quem escala os árbitros da ATP também “dar uma olhada nesse lance”.

Coisas bacanas do esporte: não sei se a raiva ajudou, mas pouco depois desse lance, Melo e Dodig começaram a acertar quase tudo (com farta distribuição de porradas nas devoluções), viraram e ganharam um jogo quase perdido. Faltou só mandar um “da próxima vez, perde sem roubar, que não fica tão feio” para Herbert no cumprimento de fim de jogo, na rede. Nem curto duplas, mas a virada foi sensacional.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: